Avaliação de imóvel: tudo o que você precisa saber 06 Feb 2018


Avaliação de Imóvel é necessária para diversos tipos de situações, pois define exatamente qual é o valor de um imóvel perante o mercado imobiliário local onde ele está inserido.

O documento é o Parecer Técnico de Avaliação Mercadológica, que é desenvolvido por arquitetos ou engenheiros. Neste documento são colocados todos os detalhes que fizeram o profissional chegar ao valor do imóvel, como a análise da área externa e privativa de um apartamento, pesquisas de imóveis similares da região, entre outros pontos.

Veja abaixo algumas informações importantes sobre o serviço de avaliação imobiliária:

1. Em quais situações são necessárias a Avaliação de Imóvel?

O Parecer Técnico de Avaliação Mercadológica é bastante utilizado por instituições financeiras e pela Justiça em diversas ocasiões ou mesmo para conhecimento próprio do valor.

Quando uma pessoa compra um imóvel e vai financiar com a instituição financeira é realizada a Avaliação de Imóvel para que o banco tenha certeza de que aquele terreno, casa ou apartamento está em boas condições e para ter certeza de quanto vale o imóvel.

Já, a Justiça utiliza o Parecer Técnico de Avaliação Mercadológica para situações como heranças, divórcios, renovatórias de aluguéis e outras ações, por exemplo. Ou seja, quando há divergência sobre qual é o verdadeiro valor daquele patrimônio.

2. Existe uma metodologia técnica específica para a Avaliação de Imóvel?

Sim. Para a Avaliação de Imóvel, o profissional utiliza as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e do Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia (IBAPE).

Para a Avaliação de Imóvel são levados em consideração alguns parâmetros, como:

  • localização, tamanho e acabamentos (padrão construtivo)

  • estado de conservação

  • áreas comuns

  • quantidade de elevadores

  • quantidade de apartamentos por pavimento

  • proximidade do metrô, shopping, etc

  • vizinhança

  • entre outros

Estes parâmetros acima definem exatamente quanto vale um imóvel.

Por exemplo: um apartamento que está localizado em uma rua tranquila e possui quadra de esportes e piscina vale mais que outro que possui feira na frente, não possui área de lazer e está localizado em rua com trânsito.

Com os dados levantados daquele imóvel, o engenheiro ou arquiteto faz a comparação com outros imóveis da mesma região e que tenham características similares. E assim se chega ao valor de mercado daquele imóvel.

3. Quais são os pontos positivos da Avaliação de Imóvel?

Existem diversas vantagens em se realizar a Avaliação de Imóvel. Pois, quando se tem este documento em mãos, pode-se:

  • ter a garantia em transações imobiliárias

  • contratar o seguro do imóvel

  • fazer atualizações patrimoniais

  • realizar inventários

  • facilitar argumentos em processos judiciais

  • e muito mais

Por todos estes motivos é que a Avaliação de Imóvel é importante.

Estas foram as principais dúvidas sobre a avaliação imobiliária.

Fonte: MOVING